Vlogue Retrô 2013

Ano em que o “gigante acordou” e rendeu boas fotos e discursos patriotas. Ano em que os mensaleiros começaram a pagar. Ano em que o Brasil ganhou a Copa em casa… Mas não foi a Copa do Mundo. Ano em que fomos espionados, questionados, surpreendidos, atingidos por tragédias a quilômetros de nós e com a final do The Voice Brasil. Da morte de Reginaldo Rossi à gravidez de Sandy, 2013 foi um ano de altas aventuras. 

Vejam agora o Vlogue Retrô 2013, uma visita ao passado feita pelo Repórter E, que trabalhou bastante! No Osga 2013, no Círio, na UFPA, até em Manaus.

O Repórter E volta em janeiro, com novidades, e novidades internacionais! Fiquem ligados. Até 2014!

Anúncios

Buffets do terceiro milênio

Quer uma pizza? Uma coxinha? Escolha a massa, o recheio e coma! A tendência dos quitutes personalizados em Belém.

Gustavo Ferreira

Customização. Tendência em roupas e acessórios, na revitalização de móveis antigos, paredes… E comida. Sim, comida! Afinal, quem nunca ouviu falar de “self service”? Os buffets não são nada recentes e são presença garantida em casamentos, festas de 15 anos e comemorações da firma. Agora, imaginem só o quanto seria interessante se você pudesse escolher o que pôr no prato sem sair de casa!
Foi isso que Márcio Arede e alguns amigos pensaram, em 2010, e assim nasceu o primeiro serviço de “buffet virtual” de Belém: a Pizz’Up. “O mais legal é que quando fomos pesquisar, descobrimos que não existia nada parecido em nenhum lugar. Este pioneirismo nos motivou muito a bater o martelo e desenvolver a ideia”, diz Márcio, proprietário da pizzaria.
Os pedidos podem ser feitos por telefone (3110-6777 e 3224-8348) e pelo site, e é pela web que eles conquistam mais clientes. São mais de 25 mil curtidas na fan page e 8 mil no twitter. Por lá, não são raras as campanhas e os sorteios durante o ano.
Foto: Divulgação/Pizz’Up
Para Márcio, a internet é uma grande ferramenta para os negócios: “Desenvolvemos nosso site para ser possível a customização e facilitar um bom atendimento. Quando o cliente ainda está na etapa de pagamento do site, já visualizamos o pedido dele no nosso painel de pedidos, assim, se ele demorar para concluir, ligamos para oferecer ajuda”.
DIVINA ABÓBORA Certo dia, Ana Paula Rosário estava conversando com um amigo, que lhe deu uma sugestão: coxinha com massa de batata… “Quando cheguei em casa, não tinha batata, só abóbora, mas fiz a receita assim mesmo. Adorei o resultado e no mesmo instante tive o insight: ‘Bem, já tem a tradicional, a de macaxeira e essa de abóbora. Se eu pudesse escolher o recheio e adicionar o ingrediente?’”.

Santa falta de batata! Do insight, Ana Paula criou a Divina Coxinha, em outubro deste ano, com seu irmão, David do Rosário. Você escolhe a massa (tradicional, macaxeira, abóbora ou picante) e o recheio, dentre várias opções, direto na lanchonete (Trav. do Chaco, 1678, entre Duque de Caxias e Rômulo Maiorana). O serviço delivery está nos planos para 2014.
Foto: Divulgação/Divina Coxinha
Para a proprietária da empresa, esse modelo de serviço vai ganhar cada vez mais espaço. “Cada vez mais as pessoas querem a coisa do seu jeito, com seu gosto. E esse modelo que implantamos para salgados fritos é único no Brasil. Em nenhum lugar é vendido coxinhas assim, somos pioneiros”, destaca.

Bio – João Carlos Pereira

Ele é jornalista, escritor, membro da Academia Paraense de Letras, e é bastante conhecido por vocês como a figura responsável pelos comentários do Círio na TV Liberal. Conheçam um pouquinho do amante por viagens João Carlos Pereira.

(Foto: Acervo Pessoal)

NOME COMPLETO
João Carlos Pereira
DATA DE NASCIMENTO
2 de agosto de 1959

ONDE NASCEU?
Em Belém, no bairro da Cidade Velha.
ONDE VIVE?
Meu corpo vive em Belém. Minha alma, em Paris.
O QUE JÁ FEZ?

Já fiz tanta coisa… Fui aluno do Moderno – e isso é um grande orgulho! Estudei Letras (graduação, especialização e mestrado) na UFPa. Tenho o curso completo da Aliança Francesa. Fui professor da Uepa e da UFPa. Trabalho na Unama há quase 25 anos. Participei dos conselhos do CCBEU, Aliança Francesa e Pará Missouri. Pertenço à Academia Paraense de Letras e aos Conselhos de Cultura e de Museologia do Estado. Estou há 31 anos no que ainda chamo de Grupo LIBERAL, mas são as ORM. Trabalhei como repórter e editor do Jornal; fui assessor da Fundação Romulo Maiorana e, até hoje, atuo como cronista e colunista do Jornal, e comentarista da TV. Fiz muitas viagens. Aliás, viajar é o que mais de fazer. Quero voltar a dois países: à Rússia e à Turquia. Portugal e França não valem, porque sempre que posso estou lá. Já escrevi livros, casei, tive filhas. Já fiz outras coisas, mas acho que essas são mais importantes. As outras foram, digamos, mais pessoais.
O QUE FAZ?

Leio, escrevo (todo dia), planejo viagens, trabalho mais do que desejaria, rezo e faço atividade física regularmente. Cuido do meu coração, porque não quero mais colocar stents (já tenho 5) e nem abrir o peito outra vez, para implantar novas pontes de safena. Hoje, dirijo o departamento de Relações Institucionais do Tribunal de Justiça do Estado do Pará.
O QUE GOSTARIA DE TER FEITO?
Gostaria de ter sido padre, de ter freqüentado a cobertura de Rubem Braga, em Ipanema e de ter passado mais tempo sem fazer nada, apenas lendo e andando, olhando a vida passar, em Paris.

O QUE AINDA QUER FAZER?

Quero voltar para a televisão e de trabalhar apenas como jornalista. Gostaria de ter tempo para fazer pesquisas. Planejo passar um tempo aqui, um tempinho fora. Ir para sempre não é meu plano. Voltar é uma necessidade. Sobretudo na época do Círio.

Rádio E #4 – Especial sobre os grupos da Copa 2014

Na última sexta-feira (6), a FIFA sorteou as oito chaves da Copa do Mundo no Brasil, que rola entre 12 de junho e 13 de julho de 2014. Teve barbada, confrontos inusitados, promessas de clássicos, o famigerado “grupo da morte” e o caminho da Seleção está definido na 1ª fase: Croácia, México e Camarões.
Para falar sobre esses grupos, com opiniões extremamente densas e relevantes, a Rádio E de hoje é especial, com as vozes e os intelectos dos pequenos comentaristas de futebol CAFE PINHEIRO e RÔMULO BAÍA. Certamente a melhor análise da Copa de 2014 até agora na imprensa internacional. Ouçam, que tá bacana:

Rádio E #3 – Copa Verde, Fernanda Montenegro, Grazi e Cauã

1º de dezembro. Falta um mês pra acabar 2013, e a Rádio E de hoje traz uma novidade no nosso futebol em 2014: a Copa Verde. O torneio vai reunir 16 times do Norte, Centro-Oeste e Sudeste, em mata-mata. O Pará vai ser representado por Paysandu, Remo e Paragominas. E quem já levantou a taça, ou melhor, o Emmy Internacional, foi Fernanda Montenegro, escolhida como Melhor Atriz pelo personagem no especial “Doce de Mãe”, exibido pela Globo no fim do ano passado. Saiba também como está a novela do casamento de Grazi Massafera e Cauã Reymond. Agora na Rádio E.