Portugal carimbado no Passaporte, com Larissa Andrade

Larissa Andrade, a viajante da vez no Repórter E. (Foto: Acervo Pessoal)
Em janeiro, vocês acompanharam a viagem da pequena Thaís Siqueira por terras espanholas, com direito a passagens por Suíça e Alemanha. E como o Repórter E se acostumou com a ideia de ter correspondentes internacionais, agora é a vez de Larissa Andrade contar o que está vivendo no seu intercâmbio em Portugal. Mais um carimbo no nosso Passaporte


**********

Três meses se passaram, mas parece que foi ontem que tudo começou. Seis meses parecem tanto longe do seu lugar comum, das pessoas do teu convívio, de tudo aquilo que tu chamas de “lar”. Só que quando a gente vive o intercâmbio, o tempo voa e seis meses não são absolutamente nada. Tu precisas de mais, porque é tanta coisa a conhecer, ver e viver, que todo o tempo do mundo parece pouco.

Torre de Belém, em Lisboa. (Foto: Larissa Andrade)
Moro em Belém, estudo na UFPA, faço Publicidade e Propaganda, mas não agora. Agora moro em Porto, Portugal, estudo na Universidade do Porto e faço Design de Comunicação. Vivo coisas completamente diferentes daquilo que estava habituada e se disserem “ah, mas aí falam a mesma língua do Brasil e os costumes são parecidos, porque Portugal é um país-irmão”, eu vou dizer que a pessoa realmente não tem a menor noção do que está falando, porque o português lusitano é bem diferente do nosso e os costumes são mais distintos ainda. Oh, pá! Pois, se calhar, a conversar só um bocadinho com os gajos no autocarro ou no comboio percebe-se que o linguajar é bem fixe, é giro, é porreiro. Fogo!

Em Porto. (Foto: Larissa Andrade)

Graças a Deus, eu sou uma pessoa que rápido me adapto aos lugares, com isso, não costumo sofrer tanto quanto outras pessoas que vi passarem por maus bocados por causa do choque da realidade.

Entretanto, apesar de algumas dificuldades, cada segundo dessa experiência vale a pena. Eu me apaixono cada vez mais por Porto e por todos os lugares que conheci até agora. É tudo incrível e parece um sonho estar vivendo isso, não só pelos sítios que são de tirar o fôlego, mas também pelas pessoas do mundo inteiro a quem tu te conectas.


Portugal é um país que merece ser visitado. É muita beleza, castelo e história para desvendar em um só lugar. Os turistas saem mais ricos daqui, de conhecimento e vida, porque viajar é viver!

Larissa se divertindo na neve da Serra da Estrela. (Foto: Larissa Andrade)

Anúncios

Depois de ver, que tal deixar sua opinião? O Repórter E agradece.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s