Festival Se Rasgum abre inscrições para as Seletivas 2015

Inscrições estão abertas até o dia 20 de agosto; 10 bandas finalistas disputarão 4 vagas no line-up do Festival, marcado para novembro

Gustavo Ferreira

Público lota o Hangar pro Festival Se rasgum 2014. Seletivas de 2015 já estão abertas. (Foto: Divulgação / Se Rasgum)
Público lota o Hangar pro Festival Se Rasgum 2014. Seletivas de 2015 já estão abertas. (Foto: Divulgação / Se Rasgum)

Tocar no palco do Festival Se Rasgum, que em 2015 chega à sua décima edição, é um dos maiores presentes pra qualquer banda por aqui. Já passaram por ele artistas locais, nacionais e até de fora do Brasil. Só que, pra uma galera, o caminho desse palco é uma verdadeira competição. Estão abertas as inscrições para as Seletivas Se Rasgum 2015, que vão escolher 4 bandas que estarão no festival, entre os dias 16 e 22 de novembro.

As inscrições começaram ontem (7) e vão até o próximo dia 20, às 23h59. Um júri especializado, formado por pessoas que trabalham com cultura e música no Pará, vai selecionar as 10 finalistas, que tocam no dia 5 de setembro, no bar Insano (o antigo Los Piratas, na Rua São Boaventura, 268, Cidade Velha). Lá, outro júri vai carimbar o passaporte de 4 bandas ao Se Rasgum 2015. E vai ter show dos Boogarins, goianos que vêm pela primeira vez a Belém.

As inscrições só podem ser feitas pelo site serasgum.com.br/seletivas. Qualquer banda paraense pode concorrer, basta preencher os requisitos cadastrais disponíveis aqui, além de mais informações pedidas no edital, como um release atualizado, as influências da banda e os estilos musicais por onde eles passam.  Quem participou de seletivas nos anos anteriores e não foi selecionado para o festival pode tentar outra vez.

MEIO AMARGO

Quem tentou e conseguiu no ano passado foi uma banda que entrou pra ganhar uma vaga no Festival Se Rasgum 2014, e acabou ganhando todo o público que acompanhou a noite das seletivas. Lucas Padilha e a sua Meio Amargo se prepararam bastante para serem uma das 4 bandas escolhidas (ao lado de Camila Honda, A República Imperial e Ultranova).

“Nós ensaiamos pra isso. Pensamos num roteiro praqueles 15 minutos que poderiam fazer a diferença. Não acho que a gente acreditou que já estaria no line-up, mas dava pra pensar com confiança”, diz Lucas.

Lucas Padilha nas Seletovas do ano passado; Meio Amargo passou. (Foto: Divulgação)
Lucas Padilha nas Seletovas do ano passado; Meio Amargo passou. (Foto: Divulgação)

Pra ele, tocar no palco do Se Rasgum foi uma grande responsabilidade – e um grande prazer: “Era um palco de um festival grande, importante, com gente importante na plateia. E apesar do nervosismo, o que a gente tava a fim de fazer ali era curtir o nosso próprio show e fazer com que as pessoas curtissem também. Foi um puta amadurecimento e acho que a banda de lá cá cresceu muito na sonoridade, nas apresentações e no que pretende fazer profissionalmente”, diz ele, que tocou na Virada Cultural 2014 e no Festival Mojo 2015, entre outros, e que lançou, com a banda, um EP chamado “Far From Moscou”, no fim de julho desse ano.

PLAY | OUÇA AQUI O EP “FAR FROM MOSCOU”, DE MEIO AMARGO

E qual seria a dica de uma banda que já venceu para quem vai buscar o sucesso? Lucas só tem uma: “Botar pra foder! Não dá pra pensar menos que isso”.

Anúncios

Depois de ver, que tal deixar sua opinião? O Repórter E agradece.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s