Pedro Alcantara e seu “Cafezinho”

Com 19 anos, Pedro Alcantara dá os primeiros passos pra valer na música, que já o acompanha desde cedo. Veja o registro feito pelo Repórter E do show mais recente, com participação de Paula Carvalho.

Gustavo Ferreira

Estudante de Ciências Contábeis, é na música que ele vem amadurecendo pra todo mundo ver. Do ano passado pra cá Pedro Alcantara, de 19 anos, passou a “se mostrar”, como ele mesmo diz, e hoje convida as pessoas para um “Cafezinho com Alcantara”, seu projeto artístico. O Repórter E lança agora o clipe de Cafezinho, gravado ao vivo no Amazônia Hostel no mês passado (com a participação de Paula Carvalho). Assista e conheça um pouco mais do trabalho de Pedro na entrevista que ele concedeu ao blog.

REPÓRTER E: Tua história com música começou como? Quem foi fundamental na tua iniciação artística?

PEDRO: Bem, ela começou bem cedo. Meus pais falam que eu já cantarolava umas músicas desde muito novo. Com o tempo eu fui me aprimorando e uma pessoa muito importante para esse amor que eu tenho pela música foi o meu antigo padrasto, que infelizmente já faleceu. Ele me deu meu primeiro violão, me ensinou as primeiras notas e até técnicas vocais. Sem ele eu talvez não fosse o que sou e agradeço todo dia. Inclusive a ele, dedico parte da música “Cabine telefônica” [OUÇA AQUI NO SOUNDCLOUD], que compus ano passado. Hoje eu tenho uma grande companheira chamada Paula Carvalho, que sempre me ajuda quando vou tocar e cantar e até nas composições. Inclusive grande parte das composições nem fui eu que fiz, mas sim ela. hahaha

REPÓRTER E: Sobre a tua carreira, o que já fizeste?

PEDRO: Comecei a “me mostrar” realmente para as pessoas como cantor e compositor a pouco mais de sete meses e já fiz três shows. Já participei de um programa na Rádio Cultura chamado Acústico Conexão, e também da temporada desse ano do programa Protótipo (TV Cultura). Também gravei um webclipe ano passado de uma música chamada “Estelar”, que está no Youtube.

REPÓRTER E: Quem são tuas principais inspirações musicais?

PEDRO: Bem, durante todos esses quatro anos em que componho, várias bandas e cantores me inspiraram em diferentes situações. Coldplay, U2, Tiago Iorc foram os primeiros. Agora eu tô em uma fase bem mais próxima do folk/country e tenho como referência bandas que fazem parte desse estilo, como Mumford and Sons e The Lumineers.

REPÓRTER E: Hoje, o que representa pra ti fazer música (da composição aos palcos)?

PEDRO: Representa algo que vai além de mim, quase vivo, que faz com que as pessoas se inspirem e muda a vida delas. Certa vez recebi uma mensagem de uma menina de São Luís que sofria de ansiedade há muito tempo, e me disse que ouvindo algumas das minhas músicas se sentia mais calma e até dormia melhor! É levar alegria, paz, reflexão e trazer um pouco de alento para as pessoas sem se importar muito com retorno financeiro.

REPÓRTER E: Pra este ano, o que tu tens planejado?

PEDRO: Tem muita coisa cara, tem videoclipe, webclipes, shows e o primeiro EP. Não posso dizer muita coisa por que a maioria é surpresa, mas posso dizer que os admiradores do cafezinho vão gostar muito do que vai vir por aí.

FICHA TÉCNICA | “Cafezinho”, de Pedro Alcantara (Part. Paula Carvalho)

voz e violão
PEDRO ALCANTARA

voz
PAULA CARVALHO

letra e música
PEDRO ALCANTARA

imagens e edição
GUSTAVO FERREIRA

agradecimentos
BRENO BRANCHES
YORRANNA OLIVEIRA

gravado ao vivo no
AMAZÔNIA HOSTEL
em fevereiro de 2017

Anúncios

Depois de ver, que tal deixar sua opinião? O Repórter E agradece.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s