A utopia de Ceci

Cantora se inspira em sua relação com arte e misticismo para compor as faixas de seu primeiro EP, lançado no início do mês 

Gustavo Ferreira

essa sim
Ceci. (Foto: Daniela de Assis)

Com 22 anos de idade, Ceci já tem sim uma vasta experiência no mundo das artes. Mesmo lançando agora seu primeiro trabalho, o EP Utópico, Ana Cecília Santos se reconhece desde o berço como alguém tocado pelo palco, pelo som, pelas cores, pela poesia. As expressões de sua vocação para a música passam também pela religiosidade, e desembocam nas três canções de seu projeto pioneiro.

Continue lendo “A utopia de Ceci”

Pnk Sabbath, o brilho noturno do underground da cidade

Com seu primeiro EP, The Night Glow, Pnk transforma a noite em inspiração para sua arte, provoca e quer sempre mais fazendo música eletrônica em Belém

Gustavo Ferreira

17122109_804254333058971_568652223_o
Pnk Sabbath. (Foto: Marcos Rossas)

Pnk Sabbath não é cantor, não é músico, nem compositor ou ator. Ele é tudo isso e mais. É som e imagem de um artista que se lança agora na cena eletrônica de Belém. Seus holofotes estão nos palcos underground da cidade, iluminando suas performances do primeiro EP, The Night Glow, lançado em janeiro. Como ele mesmo diz, “um EP noturno, de noites loucas e pra pessoas loucas”. Pnk se apresenta pela festa, pela loucura e por representatividade gay na música paraense, que tem sim, seus palcos e seu brilho.

Continue lendo “Pnk Sabbath, o brilho noturno do underground da cidade”