Memórias da Copa, com Guilherme Guerreiro

Ele tem mais de 40 anos de jornalismo esportivo, mas a paixão pelo futebol e, especialmente, por copas do mundo, vem de antes. Guilherme Guerreiro, jornalista do Grupo RBA, contou ao Repórter E suas Memórias da Copa. Dentre as várias lembranças, ele destaca a relação com o México, que sediou as copas de 1970 e 1986. Foram duas experiências diferentes para ele e para a Seleção (tri em 70, e eliminada antes da hora em 86), mas a receptividade e o carinho do povo mexicano foram um forte ponto em comum.

Anúncios